O Questões Grátis disponibiliza mais de 600 MIL questões, de forma GRATUITA e SEM LIMITAÇÕES.

Instale o App Questões Grátis e estude melhor! No App você pode salvar os filtros, gerar estatísticas, e muito mais. Os botões para baixar o App se encontram no topo do site.

Logo abaixo você encontra milhares de questões. Para refinar sua busca, aplique os filtros desejados (buscar por disciplina, banca, cargo, ano...). Caso deseje excluir os filtros, clique em “Limpar Filtro”.

Para estudar, aplique os FILTROS abaixo:

2018_03_16_5aaba8bfd14e8.png

Em relação à construção de estratégias argumentativas no texto, assinale V para as afirmativas verdadeiras e F para as falsas.

( ) A argumentação probabilística é relevante para a problematização da violência cometida pelos corruptos e para a proposição de uma possível solução para o problema.

( ) A explicitação do lugar de fala das articulistas, no primeiro parágrafo, confere autoridade e legitimidade ao que vai ser dito, pois elas se colocam como especialistas no assunto.

( ) A possibilidade de reflexão, propiciada pelo uso de perguntas retóricas, evidencia a complexidade do fenômeno da corrupção e a necessidade de discussão e análise por parte de diferentes segmentos da sociedade.

( ) O uso de argumentos empíricos é uma importante estratégia usada pelas articulistas para convencer os leitores dos efeitos nefastos da corrupção na sociedade brasileira.

Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA.

2018_03_16_5aaba9cb9e519.png

De acordo com as regras de concordância verbal prescritas pela norma padrão escrita, o uso do singular ou do plural para os verbos destacados seria facultativo em:

Date: 03/06/2018

Para o sujeito coletivo em uma das regras: "Se o verbo estiver distante do sujeito coletivo, ou se este vier seguido de palavra que mencione os elementos nele contidos, poderá o verbo ir para o singular ou para o plural, conforme se queira destacar mais a ideia de todo ou a presença dos elementos que compõem o sujeito coletivo.".

Alternativa (A). Correto.

Alternativa (D), errada. "Quando o sujeito é formado por uma expressão que denota quantidade aproximada como "mais de...", "menos de...", "cerca de...", perto de...", seguida de um número no plural, o verbo deve ficar no plural. Porém, se estas expressões vierem seguidas do numeral "um", o verbo obrigatoriamente vai para o plural."

Date: 03/06/2018

Allan, o correto não seria "se estas expressões vierem seguidas do numeral "um", o verbo obrigatoriamente vai para plural singular"?

nestes casos, o verbo concorda com o numeral.

Em um computador onde ocorre o processo de gravação e remoção de arquivos, de forma constante, os arquivos do disco ficam desorganizados, dificultando o sistema a realizar buscas.

Assinale a alternativa que apresenta o recurso disponível no MS-Windows 7, que possibilita com que os arquivos sejam organizados no disco de forma estruturada e assim obter um acesso mais rápido.

Date: 03/06/2018

Fragmetos = PEDAÇOS

DESFRAGMENTAR =Unir esses "pedaços espalhados em um grupo/ região" .

É semelhante a montar um quebra cabeças.

2018_03_16_5aaba9cb9e519.png

Em todos os trechos, o vocábulo “que" funciona como pronome relativo, EXCETO em:

Date: 03/06/2018

O "QUE" NA LETRA B TEM VALOR DE CONJUNÇÃO INTEGRANTE.BASTA SUBSTITUÍ-LO POR ISSO E CONFIRMAMOS O SEU VALOR.

SABEMOS "ISSO".

Date: 03/06/2018

Pode-se perguntar ao verbo 'Sabemos'

Quem sabe, sabe algo, o quê!? - QUE apesar da enorme influência...

Quando isso ocorre o QUE não se refere ao termo anterior

Date: 03/06/2018

Só mudar todos os "que" por "o qual" ou "os quais", se fizer sentido é pronome relativo.

Sobre a análise combinatória, analise as afirmativas a seguir:

I. Fatorial de n é o produto dos números positivos e inteiros (naturais) começando em n e decrescendo até 1, representado por n!..

II. Permutação de p elementos é o número de arranjos que se pode fazer com esses p elementos, trocando-se a ordem deles.

III. Arranjo de p elementos, n a n, é o número de conjuntos de n elementos que se pode fazer com os p elementos, importando a ordem desses elementos.

Está(ão) CORRETA(s) a(s) afirmativa(s).

Date: 28/05/2021

Resposta d)
Todas as afirmativas estão corretas.



I. Fatorial de n é o produto dos números positivos e inteiros (naturais) começando em n e decrescendo até 1, representado por n!.. (Correto)
Fatorial é um número natural inteiro positivo, o qual é representado por n!
O fatorial de um número é calculado pela multiplicação desse número por todos os seus antecessores até chegar ao número 1. Note que nesses produtos, o zero (0) é excluído.
O fatorial é representado por: n! onde:
n! = n . (n – 1) . (n – 2) . (n – 3)!
Exemplos:
0! = 1 (o fatorial de zero será sempre 1)
1! = 1 (fatorial de 1 será 1)
5! = 5. 4 . 3 . 2 . 1 = 120 (lê-se 5 fatorial e o resultado será 120)



II. Permutação de p elementos é o número de arranjos que se pode fazer com esses p elementos, trocando-se a ordem deles.(Correto)
As permutações são agrupamentos ordenados, onde o número de elementos (n) do agrupamento é igual ao número de elementos disponíveis.
Note que a permutação é um caso especial de arranjo, quando o número de elementos é igual ao número de agrupamentos. Desta maneira, o denominador na fórmula do arranjo é igual a 1 na permutação.
Pn = n!
Exemplo
vamos pensar de quantas maneiras diferentes 6 pessoas podem se sentar em um banco com 6 lugares.
Como a ordem em que irão se sentar é importante e o número de lugares é igual ao número de pessoas, iremos usar a permutação:
P6 = 6! = 6.5.4.3.2.1 = 720
Logo, existem 720 maneiras diferentes para as 6 pessoas sentarem neste banco.



III. Arranjo de p elementos, n a n, é o número de conjuntos de n elementos que se pode fazer com os p elementos, importando a ordem desses elementos. (Correto)
Nos arranjos, os agrupamentos dos elementos dependem da ordem e da natureza dos mesmos.



Tem mais informações e exemplos nesses links:
https://www.todamateria.com.br/analise-combinatoria/
https://brasilescola.uol.com.br/matematica/arranjo-simples.htm

De acordo com seus conhecimentos da Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Estatuto da Pessoa com Deficiência), para fins de aplicação da Lei, consideram-se barreiras, EXCETO:

Date: 03/06/2018

não entendi.

A Lei nº 11.284 de 2006, dispõe sobre a gestão de florestas públicas para a produção sustentável. São alguns dos princípios da gestão de florestas públicas:

I. A promoção e a difusão da retirada de produtos florestais.

II. O respeito ao direito da população, em especial das comunidades locais, de acesso às florestas públicas e aos benefícios decorrentes de seu uso e conservação.

III. O acesso livre de qualquer indivíduo às unidades de conservação.

IV. O fomento ao conhecimento e a promoção da conscientização da população sobre a importância da conservação, da recuperação e do manejo sustentável dos recursos florestais.

V. O estabelecimento de atividades que promovam o uso eficiente e racional das florestas e que contribuam para o cumprimento das metas do desenvolvimento sustentável local, regional e de todo o País.

VI. A garantia de condições estáveis e seguras que estimulem investimentos de longo prazo no manejo, na conservação e na recuperação das florestas.

VII. O estabelecimento de sistemas de agregação de valor junto as comunidades locais.

VIII. A proteção dos ecossistemas, do solo, da água, da biodiversidade e valores culturais associados, bem como do patrimônio público.

Estão CORRETAS as afirmativas apenas em:

Date: 03/06/2018

gab D

.

RESPOSTA POR ELIMINAÇÃO: são estranhas as alternativas I e III.

.

Art. 2o Constituem princípios da gestão de florestas públicas:

I - a proteção dos ecossistemas, do solo, da água, da biodiversidade e valores culturais associados, bem como do patrimônio público;

II - o estabelecimento de atividades que promovam o uso eficiente e racional das florestas e que contribuam para o cumprimento das metas do desenvolvimento sustentável local, regional e de todo o País;

III - o respeito ao direito da população, em especial das comunidades locais, de acesso às florestas públicas e aos benefícios decorrentes de seu uso e conservação;

IV - a promoção do processamento local e o incentivo ao incremento da agregação de valor aos produtos e serviços da floresta, bem como à diversificação industrial, ao desenvolvimento tecnológico, à utilização e à capacitação de empreendedores locais e da mão-de-obra regional;

V - o acesso livre de qualquer indivíduo às informações referentes à gestão de florestas públicas, nos termos da Lei no 10.650, de 16 de abril de 2003;

VI - a promoção e difusão da pesquisa florestal, faunística e edáfica, relacionada à conservação, à recuperação e ao uso sustentável das florestas;

VII - o fomento ao conhecimento e a promoção da conscientização da população sobre a importância da conservação, da recuperação e do manejo sustentável dos recursos florestais;

VIII - a garantia de condições estáveis e seguras que estimulem investimentos de longo prazo no manejo, na conservação e na recuperação das florestas.

§ 1o Os Estados, o Distrito Federal e os Municípios promoverão as adaptações necessárias de sua legislação às prescrições desta Lei, buscando atender às peculiaridades das diversas modalidades de gestão de florestas públicas.

§ 2o Os Estados, o Distrito Federal e os Municípios, na esfera de sua competência e em relação às florestas públicas sob sua jurisdição, poderão elaborar normas supletivas e complementares e estabelecer padrões relacionados à gestão florestal.

fonte: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2006/lei/l11284.htm

Um estudante, utilizando o site de busca do Google, preenche o seguinte texto no campo de pesquisa: "Prefeitura de Sarzedo" filetype:doc

Assinale a alternativa que apresenta o resultado da busca, utilizando os termos de pesquisa.

Acerca da probabilidade, analise as afirmativas a seguir:

I. Experimento aleatório: são experimentos que, quando repetidos em condições iguais, podem fornecer resultados diferentes. Por exemplo, o lançamento de um dado é um experimento aleatório, pois, cada vez que o dado é jogado pode-se obter um número diferente, que antes do lançamento, é desconhecido.

II. Espaço amostral: é o conjunto de todos os resultados possíveis de ocorrer em um experimento aleatório. Por exemplo, o espaço amostral de um dado é o conjunto {1; 2; 3; 4; 5; 6}. Neste conjunto estão todas as possibilidades de resultado de um lançamento.

III. Evento: é o resultado desejado. É um subconjunto do espaço amostral. Por exemplo, o evento “ocorrência de uma face par em um lançamento" é o subconjunto {2; 4; 6}.

Está(ão) CORRETA(s) a(s) afirmativa(s).

De acordo com a Lei Orgânica do município de Sarzedo, a competência privativa do município decorre da autonomia que lhe asseguram as Constituições Federal e Estadual e se exerce especialmente, EXCETO: