De acordo com o Protocolo de Segurança na Prescrição, Uso e Administração de Medicamentos (2013), deve-se priorizar a adoção de medidas para prevenção de erros de medicação envolvendo Medicamentos Potencialmente Perigosos (MPP).

Com relação a este grupo de medicamentos, é INCORRETO afirmar que: